O Aço e a Economia Circular

Diferentemente do modelo econômico linear (extração, produção, consumo e eliminação), a economia circular tem como princípio a redução, a reutilização, a remanufatura e a reciclagem de materiais e produtos, trazendo como benefícios a conservação de matérias-primas, eficiência na gestão de resíduos, reduções de emissão, além de inovações e empregos.

O aço é um material que sempre esteve intrinsicamente associado ao conceito de economia circular. Trata-se do material mais reciclável e reciclado do mundo. Automóveis, geladeiras, vergalhões e todos os demais produtos feitos com aço, são, ao fim de sua vida útil, coletados e retornam às aciarias, produzindo aço com a mesma excelência de qualidade.

Hoje, no Brasil, cerca de 30% de todo o aço produzido é proveniente de reciclagem. Qualquer que seja a origem da sucata, o ciclo de reciclagem do aço produz aços novos que podem ser utilizados em qualquer das suas finalidades: automóveis, construção, embalagens etc. A economia lucra com a ausência de desperdício e o planeta também. O que era só fim passa a ser um recomeço.

Empresas Associadas

Canais Sociais |
Mapa do Site      
Copyright 2015 - Instituto Aço Brasil