Resultados do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal

Durante o 24º Congresso Brasileiro do Aço, realizado nos dias 08 e 09/05, no Rio de Janeiro, com a presença do Secretário Executivo do Ministério do Meio Ambiente, Francisco Gaetani, a Diretora de Assuntos Institucionais do Instituto Aço Brasil, Cristina Yuan apresentou as ações desenvolvidas pela indústria do aço em relação aos compromissos assumidos no “Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal”, após um ano de seu lançamento.

Clique aqui e confira a apresentação dos resultados do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal

Apresentação dos resultados do protocolo feita pela Diretora de Assuntos Institucionais do Instituto Aço Brasil, Cristina Yuan, durante a realização do 24º Congresso Brasileiro do Aço.



Texto do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal na íntegra

CONSIDERANDO

Que a qualidade de vida das pessoas, no presente e no futuro, depende do esforço de todos em prol da sustentabilidade;

Que o carvão vegetal é um recurso renovável, utilizado como insumo no processo metalúrgico e que isso se constitui diferencial ambiental do Brasil;

Que a cadeia produtiva do aço apoia as políticas e programas públicos voltados à silvicultura sustentável.

A indústria do aço, que opera em total conformidade legal e dentro dos mais estritos princípios éticos na produção, aquisição e consumo do carvão vegetal, vem a público lançar protocolo de sustentabilidade do carvão vegetal, de forma a colaborar ainda mais com o poder público para a conscientização da cadeia produtiva quanto à importância da produção sustentável desse insumo. nesse sentido, as empresas produtoras de aço abaixo assinadas reafirmam os seguintes compromissos:

1. Atuar dentro dos preceitos do desenvolvimento sustentável e em perfeita consonância com a legislação, considerando de forma integrada e harmônica os aspectos ambientais sociais e econômicos;

2. Atuar junto à cadeia produtiva visando eliminar práticas e atividades que violem os direitos trabalhistas ou causem danos ao meio ambiente;

3. Manter relacionamento comercial somente com empresas que cumpram todas as exigências sócio-ambientais legais;

4. Exigir a comprovação documental requerida pela legislação aos fornecedores de carvão vegetal e dos produtos dele derivados;

5. Estabelecer parceria com o Poder Público para o desenvolvimento de programa de conscientização social e ambiental junto aos fornecedores de carvão vegetal;

6. Concluir, em até 4 anos, o pleno atendimento de estoques florestais às respectivas demandas de produção por meio de plantio próprio ou plantio de terceiros, desde que em consonância com os requisitos legais;

7. Atuar em parceria com o Governo dando continuidade ao desenvolvimento e implementação de tecnologia para captação e queima dos gases do processo de produção de carvão vegetal, visando a redução das emissões dos gases de efeito estufa;

8. Apresentar periodicamente o desenvolvimento das ações acima referidas no Relatório de Sustentabilidade da indústria do aço.



Lançamento do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal

Clique aqui e confira o release do lançamento do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal


Ministra do Meio Ambiente, Izabella Teixeira, durante o lançamento do procotolo.


Presidente do Conselho do Instituto Aço Brasil André Gerdau, Deputado Federal Leonardo Quintão, Ministra do Meio Ambiente Izabella Teixeira, Diretor do MDIC Alexandre Comin e Presidente-Executivo do Aço Brasil Marco Polo de Mello Lopes.


Lançamento do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal.


Lançamento do Protocolo de Sustentabilidade do Carvão Vegetal.


Apresentação de Cristina Yuan, Diretora de Assuntos Institucionais e Sustentabilidade do Aço Brasil.


Apresentação de Cristina Yuan, Diretora de Assuntos Institucionais e Sustentabilidade do Aço Brasil.